Décima Primeira Leva – A Receita da Cameriere Mulher do Freitas

Leva especial pra ser completamente consumida na comemoração do meu aniversário no próximo dia 22/09. A Cameriere Mulher do Freitas será baseada em uma Belgian Golden Strong Ale, que é uma cerveja “loira” e encorpada.

A receita que usarei é a seguinte:

– 5,0kg de malte Pilsen

– 0,5kg de malte Cara 20

– 0,6kg de açúcar invertido

– 43g de lúpulo Hallertauer Perle (60 minutos)

– 43g de lúpulo Hallertauer Perle (final da fervura)

–  1 pacote de S-33

– aquecer a água a 55ºC, colocar o malte e esperar decantar por 10 minutos

– subir pra 67,5ºC e manter por 60 minutos

– subir para 78ºC e manter por 10 minutos (mash-out)

– fervura intensa por 1h, adicionando o lúpulo conforme descrito acima

– fazer o whirpool e aguardar 20 minutos

– fazer o resfriamento do mosto até 30ºC e inocular o fermento

A intenção é fazer uma cerveja clara, de graduação alcólica alta, com leve amargor e aroma herbal.

PS: por falta de tempo não fiz a cerveja ainda, quando fizer continuarei os posts sobre ela aqui no blog!

Receita Duvel

Tipo: Belgian Golden Strong Ale
País: Bélgica
OG: 1080
FG: 1014
IBU: 31
ABV: 8,5%

Receita (20 litros):

– 4,9kg de malte Pilsen

– 113g de malte Cararoma

– 57g de malte Cara-Hell

– 90 minutos a 66ºC

– 90 minutos de fervura

– 450g de candi sugar

– 540g de açúcar

– 40g de lúpulo Styrian Goldins 4,25% AA (90 minutos)

– 14g de lúpulo Styrian Goldins 4,25% AA (15 minutos)

– 14g de lúpulo Saaz (15 minutos)

– 14g de lúpulo Saaz (3 minutos)

– 1 pacote de levedura T-58

– 1 semana fermentando a 22ºC

– Trasfegar pro segundo balde

– 1 semana maturando a 2ºC

PS: conteúdo traduzido e adaptado do livro “Clone Brews”.